Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2017

Perdi o desejo sexual, e agora?

Imagem
Há caminhos que podem te levar à perda de desejos sexuais. Não se fruste consigo mesmo por isso. É muito mais do que se doar, é o gesto de também receber. O bloqueio pode ser gerado através das incessantes brigas, pela ausência de carinho e atenção ou até com a não aceitação de seu corpo.
Não entender cada ponto deste ultrapassa o controle sexual. Lembrando que o ato pode ser além de uma relação carnal, quando se é casal com vida ativa constante entre os dois, o tato ganha parte no sentimento (muito mais que amoroso), é de entrega e retorno dela. Cuidar do seu parceiro na hora da relação pode te ajudar a se descobrir mais.
Se ainda assim não sabe de onde parte a sua falta de interesse para o sexo, não se desespere. Busque auxílio de uma sexóloga, quebre o tabu. Não se canse, se ajude.
Deseja conversar mais? Marca uma consulta aqui no Espaço Sentire. Contato na Bio do Instagram @psicologamarialucia.
Até lá!

Sexologia, sexo e sexualidade: são sinônimos?

Imagem
Nesta semana o debate é acerta da sexologia, sexo e sexualidade, no nstagram @psicologamarialucia. Apesar de ouvir que um está atrelado a outro, é preciso entender que não são sinônimos.

A sexologia é a ciência que estuda e auxilia no entendimento do comportamento sexual do ser. E este comportamento envolve uma série de fatores que podem implicar ou não no ato sexual ao qual a psicóloga com especialização em sexologia pode ajudar. Estamos falando sobre fatores biológicos, psicológicos, sociais e culturais.

O sexo, por sua vez nada mais é do que o ato. No entanto, sabemos que a vida sexual é muito além de uma simples prática carnal. Cada um entende e tem intimidade com o seu corpo de formas únicas, por este motivo, precisamos falar sobre e quebrar tabus.

Tabus esses que também envolvem a sexualidade. Se não sabe o que é, podemos te explicar melhor: a sexualidade é o que você tem de mais íntimo. Está ligada à afetividade, a sua forma de ser e estar no mundo.

Quer saber mais? Me acompan…